Livro Completo
SIMPLICIDADE - 17/11/02

Domingo, uma semana de sua viagem, melhor, de nossa viagem. Um dia comum, de ações simples, mas pensamento e reflexões constantes.

Lendo o livro que fala de um peregrino em Santiago, as reflexões sobre minha vida aumentam cada vez mais. E, ainda falando da felicidade do dia anterior, penso que tudo é simples demais, nós é que complicamos.

Tenho pensado muito no meu relacionamento. Quero cada vez mais uma definição para isso tudo. Melhor, quero cada vez mais que fiquemos juntos, tenhamos nossa vidinha, nossa casa, nosso filho... Sinto que isto está próximo de acontecer... É um sentimento muito engraçado. Me vejo arrumando armários, gavetas, jogando fora coisas que antes do que imagino terão que ir para o lixo. Renovando energias.

Meu PP hoje deve ter passado seu dia em Logroño. Fico pensando se ele também pensa no assunto.

Logroño parece ser uma cidade meio macabra. Tem um lugar chamado "Campo da Matança", uma praça, chamada Praça do Mercado onde cinco mulheres foram queimadas... UI! O que será que passar por esta cidade agrega na vida de peregrinos? Vamos ver o que o PP falará dela...

Observemos mais a simplicidade que existe nas relações, na vida, no prazer que pequenas coisas nos garantem... Sejamos felizes HOJE! Hoje foi um dia em que senti saudade de coisas simples que eu e PP fazemos juntos: andar na praia, ir comer sanduíche natural no BB Lanches, falar ao telefone de manhã só para dar bom dia... Como isso é bom!

Só faltam seis semanas... OBA! Ele estará voltando para casa... Para mim, será?